MARINHEIROS

 

                                          “Pontos de Marinheiros”

 

 

 

Mas eu não sou daqui, Marinheiro só

Eu não tenho amor, Marinheiro só

Eu sou da Bahia, Marinheiro só

De são salvador, Marinheiro só

O Marinheiro, o Marinheiro, Marinheiro só

Quem te ensinou a nadar, Marinheiro só

Foi o tombo do navio, Marinheiro só

Ou foi o balanço do mar

Lá vem, lá vem, Marinheiro só

Ele vem faceiro, Marinheiro só

Todo de branco, Marinheiro só

Com seu bonezinho, Marinheiro só

 

              

                                                                        *****

 

 

O Marinheiro, é hora

É hora de trabalhar

É pau e chuva e pedra

Marujo nas ondas do mar

 

 

 

                                                                        *****

 

Artilharia já salvei

Artilharia já salvei

La na ribeira deu sinal

La na ribeira deu sinal

Seu marinheiro agüente o leme

Seu marinheiro agüente o leme

E não deixe o barco virar

E não deixe o barco virar

A Minha Mãe é cachaceira

E o meu pai é beberrão

 

                                                             *****

Seu Marinheiro

Que banda é sua

Bebendo cachaça

E caindo na rua ?

Eu bebo minha cachaça

Eu bebo muito bem

Pago com o meu dinheiro

Não e da conta de ninguém

 

 

Navio negreiro no fundo mar, correntes pesadas

Na areia arrastar, e a negra escrava se pos a cantar:

Saravá, minha mãe Iemanjá,

Virou a caçamba de fundo pro mar

E quem me salvou foi mãe Iemanjá

 

                                                                      *****

 

 

Minha jangada vai sair pro mar vou trabalhar meu bem querer,

Se Deus quiser quando eu voltar do mar

Um peixe bom eu vou trazer, ei de trazer

Meus companheiros também vão voltar

E a Deus do céu vamos agradecer

 

                                                                      *****

 

 

Quando estou em alto mar vejo o mundo a navegar,

Ouço um canto lindo quem será que vem lá

Ela é a sereia, ela vem cantando

Com seu canto lindo quem será que vem de lá

Olha vem, vem cá estou bem a cá

Ela é a sereia ela vai levar

Leva todo mal, leva todo mal

Limpa e purifica, a sereia vai levar.

 

                                                                    *****

 

Marinheiro chegou, Marinheiro eu sou

Sou Da Costa Mina, Marinheiro eu sou

Vou pedir proteção a Iara, eu vou

Pedir licensa a Mãe Iemanja

Nesta casa eu vou trabalhar

Sou Tião das sete ondas

Naveguei nos sete marés

Na casa de minha mãe Iemanje

Sou filho de Iemanjá

Com a proteção de Oxumaré.

 

*****

Eh Marinheiro dá licensa de passar, oi de passar

Meu navio entrou no porto

Ele vem de alto mar

Já cruzei a orla grande

Mar revolto eu encontrei

Vou falar com a pesqueira

Para ver se ela vem

Quando eu chegar em terra

Vou falar pra minha velha

Meu navio foi no balanço

È no balanço que ele vai.

 

*****

 

 

Vamos Saravá mamãe Iemanjá

Vamos todos juntos jogar flores no mar,

é no mar, é no mar, é no mar minha mãe sereia

Papai risca o ponto na pedra, mamãe risca o ponto na areia

 

                                                                     *****

 

La fora pitou o navio

Ele apitou e torno a apitar

A barra esta toda tomada

E os marinheiros de Martim parangola

 

                                                                 

                                                                  *****

 

Eu bebo eu bebo

Não e da conta de ninguém (2x)

Se quizer beber comigo

Pode vim que ainda tem (2x)

 

                                            

 

                                                                   *****                                  

 

 

Eu vou parar de beber

Fazer por apniao (2x)

Parar de beber no copo

E beber so no garrafão (2x)

 

 

                                                                  *****

 

Marujo bebe na boca do garrafão
Pisa de pé em pé
Pra não cair no chão
Marujo bebe na boca do garrafão
Samba a noite inteira
Com a garrafa na mão

 

 

                                                                 *****

 

A onda me trouxe
O vento me leva
Quando a onda passar eu me sento na pedra

 

                                                      *****

 

Rema a canoa
Marinheiro
Rema a canoa
Devagar
Esta canoa só foi feita
Para Martin parangola

 

                                                       *****

Marinheiro oiá oiá oiá oiá
Marinheiro oiá ele é de jauá

 

 

                                                      *****

Eu viajei camarada
O mar inteiro
Ah, eu remei camarada
O mundo inteiro
Água salgada , meu mano, quem me criou
Eu vim do mar camarada
Pro mar eu vou

 

                                                      *****

 

Saltei em terra meu navio ficou no mar
De longe vejo uma faixa azul
Seu moço perguntou quem era
Sou um marujo filho de TaTa Oxum

 

                                                      *****

Canoeiro canoeiro

Olha o remo da canoa (2x)

Olha La seu canoeiro

Que o mar não e lagoa (2x)

Meu cavalo marinho

Eu não posso andar a pé (2x)

Eu vim eu vou

No balanço da maré (2x)

Meu pai bebeu

Bebeu e não me deu

Minha mãe bebeu

Eu não sei se vai me dar

E assim eu vou bebendo

Na maresia do mar (2x)

 

 

                                 Subida de Marinheiros

 

 

 

 

O Marinheiro, é hora

E hora de voltar pro mar

E pau e chuva e pedra marujo nas ondas do mar

 

 

 

 

 

 

 

 

 

                                                                  *****

 

 

 

 

 

 

 

 

A despedida do marinheiro faz chorar

Faz chorar faz soluçar faz chorar


http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=93674135